Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos e com prioridade.

Hipnose (Mitos e Verdades)

Hipnose (Mitos e Verdades)

11/08/2016

Neste vídeo irei explicar detalhadamente alguns mitos e verdades em relação a hipnose.

Irei explorar as diferenças entre hipnose ericksoniana, hipnose de palco, hipnose clássica.

Através de anos de experiências em muitas abordagens terapêuticas eu sigo muito das filosofias ericksonianas em meu trabalho tendo a hipnose como forma de comunicação efetiva.

A palavra hipnose por si só carrega muitos mitos, conceitos, inverdades e achismos junto com ela. Então iremos também explorar alguns aspectos científicos, podendo desmistificar a carga que a palavra “HIPNOSE” carrega.
Venha comigo neste vídeo explorar os mitos e verdades sobre hipnose, e poder compreender esta forma de comunicação que é extremamente útil em processos terapêuticos.

O que achou do conteúdo?

Deixe o seu comentário aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Posts Relacionados

As Origens da Consciência: Além do Cérebro

As Origens da Consciência: Além do Cérebro Explorando as Fronteiras da Consciência Além do Cérebro   Neste artigo, exploramos o intrigante conceito da mente e da consciência além do cérebro. Tradicionalmente, acreditava-se que a mente estava estritamente ligada à atividade cerebral, mas à medida que examinamos mais profundamente as experiências desde a concepção até o […]

Leia Mais >

Fase intrauterina: você conhece a Psicologia Pré e Perinatal?

Você já ouviu falar em Psicologia Pré e Perinatal? Essa é a abordagem que estuda o comportamento humano na fase intrauterina, acompanhando nosso desenvolvimento desde a pré-concepção, que ocorre até 3 meses antes da concepção, até a primeira infância com 2 anos de idade.  O objetivo é relacionar as vivências da fase intrauterina e pós-nascimento […]

Leia Mais >

Síndrome do Gêmeo Desvanecido: indícios e impactos da gestação gemelar na vida adulta

Você sabia que pesquisas apontam que  cerca de 60% das gestações se iniciam de forma múltipla? Isso mesmo! Mas por motivos diversos, apenas um feto continua a se desenvolver. Porém, como essa perda de um dos embriões acontece de forma muito precoce, muitas vezes a mãe sequer tem ciência sobre a existência do segundo feto. […]

Leia Mais >

Veja todos os posts

arrow_forward