Blog

6 dicas simples que você pode fazer para ter uma melhor qualidade de vida

Por Manoel A. Bissaco

 

Não é novidade pra ninguém que que os padrões de vida modernos nos fazem ter uma vida muito corrida, cheia de demandas e, por vezes, muito estressante. Também não é novidade o quanto essa correria do dia a dia nos sobrecarrega fisicamente, emocionalmente e mentalmente e contribui para uma desordem em todo nosso sistema. Algumas medidas simples ao longo de cada dia podem fazer uma grande diferença para uma melhor qualidade de vida, mesmo entre tanta correria.

 

Existe uma frase conhecida entre os americanos que diz: “Neurons that fire together, wire together” que significa “neurônios que disparam juntos, permanecem juntos”. Essa frase é atribuída ao neuropsicólogo Donald Hebb e significa que cada experiência que temos e seus sentimentos associados como emoções e experiências físicas, tornam-se embutidas em nossos cérebros e, quanto mais uma ação se repete, mais forte é a ligação entre esses “neurônios” ou células cerebrais. Por exemplo: se pegarmos um jogador de tênis que aprendeu a golpear a bola e praticou por centenas de milhares de vezes, ele consegue fazer o movimento sem nem mesmo pensar como faz o movimento, enquanto você que nunca jogou tênis pode dar as primeiras raquetadas ou centenas delas e não sair como você gostaria.

 

Os mesmos padrões se aplicam às nossas experiências diárias. Estabelecemos padrões e rotinas, algumas simples como escovar os dentes, pentear o cabelo, segurar uma colher, e outros mais “complexos” (ainda assim simples de muitas maneiras!), como a forma como interagimos com as pessoas em nossas vidas, como reagimos em determinadas situações, os nossos estados emocionais mais frequentes que praticamos todos os dias, etc, se tornam padrões fixos em nossas mentes, e sem perceber, vamos nos tornando robôs automáticos, escravos de muitos padrões destrutivos.

 

Aqui vão algumas medidas muito simples de se fazer para interrompermos esses padrões automáticos dessa vida moderna cheia de demandas e estresse:

 

1) Acalme a mente

 

Ouvir músicas como estas que se encontram abaixo durante seu trabalho, ou simplesmente deixar tudo o que esta fazendo por 5 minutos , fechar os olhos e ouvir a música enquanto sente a sua respiração, pode lhe proporcionar uma enorme sensação de calma e bem estar.

 

 

 

 

2) Observe seus pensamentos ao longo do dia

 

Quando estiver parado num farol vermelho, em seu trabalho ou até mesmo vendo televisão, apenas observe o quão automáticos são seus pensamentos. Que qualidades eles tem, ou seja, o quão rápido sua mente pula de um pensamento para outro, se são pensamentos preocupados com o que vai acontecer no futuro, se são pensamentos preocupados com o que aconteceu no passado ou que tipo de pensamentos são. Porém não se apegue a eles apenas, seja um espectador e assim você poderá observar como estão seus pensamentos automáticos. Se eles lhe são saudáveis ou não.

 

3) Organize pequenas pausas durante o dia

 

Como a concentração não pode ser mantida indefinidamente, corte seu dia em “fatias” para evitar esgotar suas possibilidades de mantê-la quando necessário. Fazer algo prazeroso e diferente da atividade anterior pode ajudar. Como Milton Erickson dizia: “você já se deu um momento para cheirar as rosas hoje ou para perceber como os verdes de uma mesma árvore são diferentes?”.

 

4) Defina suas metas para o dia seguinte

 

Você pode escrever quais são suas metas mais importantes para o dia seguinte, assim você já estabelece em sua consciência suas prioridades e direção do dia seguinte e enquanto a sua consciência “dorme” outras partes da sua mente se disponibilizam para reunir as informações necessárias para a realização das atividades escolhidas.

 

5) Momentos de gratidão
Momentos antes de dormir escreva 3 coisas das quais você é grato que deram certo no seu dia que passou, o porque você é grato e como você se sente por ter feito tais coisas. Ainda que seja “deu certo escovar os dentes pela manhã”, por exemplo. Hoje sabemos através de inúmeras pesquisas cientificas que logo antes de dormir se fazemos esse tipo de exercício como o da gratidão, nosso coração se abre para mais coisas boas e regulamos nosso sistema nervoso autônomo.

 

6) Mantenha um padrão regular de sono

 

A falta do sono provoca o desequilíbrio endócrino e metabólico e, como consequência, a pessoa pode engordar ou emagrecer muito. Tudo funciona sem equilíbrio, desregulando. Até mesmo o nível do colesterol e dos triglicéridos pode ser resolvido com um padrão regular adequado de sono. O sono torna-se uma verdadeira terapia.

3 comentários

8
  • Rosa

    Muito bom! Parabéns pelo seu blog. E obrigada sempre pelas dicas! Ótima semana.

  • Hipólito Douglas

    Muito bom o texto, e as músicas já estou ouvindo. Grato pelas dicas.

    • Manoel Bissaco

      fico feliz que esteja gostando das dicas. Aguarde muitas novidades!!

Deixar um comentário